Trilho Celta

Vila Nova de Cerveira
Descrição

O “Trilho Celta” é um percurso denominado de Pequena Rota (PR), sendo o 11º percurso homologado e registado da região Norte (11N). Este percurso realiza-se nas fraldas da Serra da Gávea e envolve apenas duas povoações: a vila de Cerveira e a aldeia de Lovelhe. Partindo do Posto de Turismo de Vila Nova de Cerveira, tomamos a rua que nos conduz ao centro histórico deste velho burgo piscatório. Uma vez visitados os inúmeros monumentos e após percorrermos algumas das suas típicas ruas, contornamos pelo exterior a muralha da fortaleza medieval, onde atualmente se encontra o Castelo de Cerveira. Passados alguns metros, desembocamos junto do Rio Minho para caminharmos até ao Forte de Lovelhe. Depois de visitarmos o forte seiscentista e as ruínas de uma antiga “villa romana”, talvez a antiga Lobélli que dera o nome à freguesia cerveirense de Lovelhe, passamos a ponte sobre a Estrada N13 e seguimos caminho pela estrada que nos conduz ao interior daquela freguesia. Seguindo o caminho empedrado e após algum tempo, damos com uma fonte, onde nos poderemos refrescar e deliciar-nos com as suas águas, às quais a população atribui-lhes propriedades medicinais. Daí, do sopé do monte, tomamos o caminho de terra que pouco-a-pouco nos conduzirá ao cume. Para alcançar este, poderemos seguir o antigo e ainda em uso, rego de pedra ou então, continuar pelo estradão até à ermida da Srª da Encarnação. Desde aqui, poderemos apreciar uma deslumbrante vista panorâmica e visitar a escassos metros o cume – o Alto do Crasto que ostenta, nos seus 315 metros de altitude, o símbolo de Cerveira, o Cervo ou Veado. Para tal visita, basta seguir um trilho, numa curta ascensão por entre rochedos. Também neste local encontra-se uma zona equipada para a prática de escalada desportiva.

Como outra opção, podemos visitar as gravuras rupestres, bastando sair do recinto da ermida. Uma vez visitado o local, seguimos o rego de pedra que sai da fonte para descermos por entre acácias por um velho caminho denominado “as Escadinhas” e que nos conduzirá à Atalaia. Daqui, continuamos a descer por entre uma densa floresta de eucaliptos e pinheiros que vai pouco-a-pouco dando lugar a acácias, para sairmos no lugar do Outeiro da Forca. Daí rapidamente, descemos pelo velho e medieval lugar de Cortes para irmos de encontro ao local onde teve início o percurso.



Motivos de Interesse:
Fortaleza de D. Dinis, Forte de Lovelhe, Miradouro da Srª da Encarnação, Alto do Crastro, Zona de Escalada, Gravuras Rupestres, Atalaia e Outeiro da Forca.

Distância: 8 Km

Duração (horas - aproximada): 3h30m

Tipo de Piso: Asfalto – Empedrado – Carreteiro – Caminho Florestal

Grau de Dificuldade: Fácil / Moderado

Local de Partida: Junto à Loja Interativa de Turismo de Cerveira

Local: Vila Nova de Cerveira
Quinta da Casa Alta

Quinta da Casa Alta

Uma casa senhorial, das mais emblemáticas da região. Aqui pode desfrutar de um ambiente único em...
Mais informação
Albergue S. Teotónio

Albergue S. Teotónio

Espaço da responsabilidade da Câmara Municipal de Valença, que oferece um lugar para pernoitar...
Mais informação
Baptista Comidas e Bebidas, Restaurante

Baptista Comidas e Bebidas, Restaurante

Baptista Comidas e Bebidas Restaurante Encontra-se situado no centro da vila de Caminha, onde...
Mais informação
Telheiro

Telheiro

Especialidades:   Peixe: Bacalhau na Brasa e à Telheiro Carne: Frango no Churrasco e mãozinha...
Mais informação
Comentários Não existem comentários dos nossos visitantes. Seja o primeiro a comentar.
Avaliar: Faça a sua avaliação