Rota Camilo

Vila Nova de Famalicão
Descrição
Casa de Camilo - Museu
A visita orientada à casa onde residiu e escreveu Camilo Castelo Branco, na segunda metade do século XIX, proporciona o cenário privilegiado para a compreensão das vivências domésticas e familiares de um dos maiores escritores da literatura portuguesa de todos os tempos.
A Casa de São Miguel de Seide conserva parte da sua livraria, além do mobiliário e de objetos que pertenceram a Camilo ou à sua família nuclear.
A visita à Casa proporciona a imersão no ambiente da época e a clara sensação de estar a conviver com o maior romancista português, que aqui escreveu grande parte da sua obra e aqui pôs fim à sua vida, por causa da cegueira que o atormentava.
Os condimentos da obra - drama, amor e tragédia -, estão presentes na visita!

Tempo médio da duração da visita - 45 - 60 minutos.


Trilho da Cangosta do Estêvão
«Não a vi, rapaz, mas ouvi-a berrar lá para o rio. Mete aí pela cangosta do Estêvão, e vai pela beira do rio abaixo que a topas lá para a Várzea das Poldras ou na Ísua.» (Maria Moisés, Camilo Castelo Branco 1876)

Esta designação inspira-se numa referência feita por Camilo Castelo Branco na sua mais conhecida novela: "Maria Moisés".
O Trilho da Cangosta do Estevão desenha-se entre a Casa de Camilo - Museu, na freguesia de Seide e o centro da freguesia de Landim, numa visita orientada.
Ao longo do percurso é estabelecida uma forte relação entre os textos camilianos e o património arquitetónico e paisagístico das freguesias de Seide e landim, proporcionando aos visitantes a revisitação de algumas das histórias e personagens criadas pelo romancista e, simultaneamente, a observação da paisagem e a interação com a população local.

Tempo médio da duração do trilho - 100 a 120 minutos;
Distância a percorrer - 3 km;
Grau de dificuldade - fácil;
Recomendações - uso de vestuário e calçado confortáveis.


Ementas Camilianas
O visitante poderá deixar-se surpreender à mesa de um dos restaurantes que oferecem a ementa camiliana.

Restaurante O Prato
«Faz-se torresmos; vai-se a gente ao pingo; deita-o numa tigela, onde já está a galinha entalida ou meia assada; por cima despeja-se um golpe de vinho branco, pouquito vinagre e água um quase nada; depois, louro, cravo, pimenta, gemas de ovo, fatias por baixo e rodelas de limão por cima. É de comer e gritar por mais!...» (O Santo da Montanha, Camilo Castelo Branco 1866)

Restaurante Ferrugem
«Ela descobriu a travessa a rir-se:
- Vossa Majestade diz que gosta...
- Sardinhas de escabeche? Se gosto!... Vamos a elas, que estão a dizer - comei-me.
E atirou-se às sardinhas com uma sofreguidão pelintra.» (A Brasileira de Prazins, Camilo Castelo Branco 1882)


Local: Vila Nova de Famalicão
Quinta de Silvalde

Quinta de Silvalde

Quinta de SilvaldeCapacidade:18
Mais informação
Quinta da Ponte do Louro

Quinta da Ponte do Louro

Casa do Minho, típica "Casa de Sequeiro", teve origem em meados do século XVIII e adquiriu a...
Mais informação
Restaurante D´Alma

Restaurante D´Alma

Especialidades: Bacalhau à casa, Lombo de porco preto na Chapa, Posta à mirandes.Preço médio por...
Mais informação
Restaurante Pateo Das Figueiras

Restaurante Pateo Das Figueiras

Especialidades: Entradas: 4 Variedades todos os dias / Pataniscas / Presunto Peixes: Bacalhau à...
Mais informação
Comentários Não existem comentários dos nossos visitantes. Seja o primeiro a comentar.
Avaliar: Faça a sua avaliação