Castelo de Sta. Cruz + Miradouro do Castelo

Arcos de Valdevez
Descrição
Profundamente ligado à génese das terras de Valdevez, o castelo românico de Santa Cruz, em Vila Fonche, assume um papel de particular interesse na história local.

Até ao século XII, Valdevez foi, com a toda a probabilidade, cabeça de toda a Ribeira-Lima. Rapidamente assumiu uma posição estratégica de apoio real a uma linha defensiva de fronteira com a Galiza, assente no eixo Monção-Lindoso. Representava a retaguarda dos castelos de Monção, Melgaço e Castro Laboreiro. O Julgado de Arcos de Valdevez tem como sua primitiva cabeça o Castelo de Santa Cruz, como entidade física de apoio à defesa, segurança e, simultaneamente, estimulo de fixação de populações.

A nova estratégia régia de reforço e dinâmica de defesa assente nos castelos de fronteira, empreendida a partir do século XIII, com estruturas mais complexas, agora não só de defesa mas sobretudo de ataque, condenam os antigos castelos, de forma que nas Inquirições de 1258 Santa Cruz surge já abandonado.Actualmente é possível discernir no local ocupado pelo gigantesco bloco granítico traços gerais da antiga estrutura defensiva, com vestígios da elementar cerca, baixa, e dos alicerces da torre de menagem, situada no topo mais alto do afloramento pétreo.





Local: Arcos de Valdevez
Quinta dos Abrigueiros

Quinta dos Abrigueiros

Inserida numa Quinta implantada na encosta norte do Vale do Lima, é uma casa em pedra dos finais...
Mais informação
Arcos Hotel Nature & Spa

Arcos Hotel Nature & Spa

O Arcos Hotel Nature & SPA disponibiliza alojamento na vila de Arcos de Valdevez, parte do...
Mais informação
Charutos dos Arcos

Charutos dos Arcos

Este doce, de origem conventual, constitui um dos ex-libris da doçaria arcuense. De forma...
Mais informação
Vinho Quinta da Mata

Vinho Quinta da Mata

Quinta Casa da Mata, é produzido em encostas soalheiras expostas a sul, sobranceiras ao rio...
Mais informação
Comentários Não existem comentários dos nossos visitantes. Seja o primeiro a comentar.
Avaliar: Faça a sua avaliação