Barco de recreio O Brancelhe

Vieira do Minho
Descrição
De olhos postos na água, o visitante poderá descobrir os encantos da Albufeira da Caniçada a bordo de “O Brancelhe”. Esta embarcação é um barco de recreio que dispõe de 46 lugares sentados. Navega todo o ano pelo espelho de água da Caniçada, num passeio turístico de cerca de uma hora.

Aconchegado entre serras que bruscamente se inclinam sobre o vale profundo e se alongam em sensuais curvas onde nascem pequenas baías, a albufeira de Caniçada proporciona, a quem viaja no barco “O Brancelhe”, momentos únicos de prazer lúdico e emotivo. Durante a viagem, o visitante tem a oportunidade não só de fazer uma agradável viagem, como também de usufruir de uma paisagem de rara beleza e de avistar os três concelhos que bordejam as margens da albufeira: Terras de Bouro à direita, Vieira do Minho à esquerda e Montalegre em frente.


Acessibilidades:

Partindo da vila de Vieira do Minho, siga pela EN304 até à rotunda das Cerdeirinhas. Aqui, vire na primeira saída em direção a Chaves. De seguida, a cerca de 200 m, vire à esquerda no entroncamento em direção ao rio Caldo e São Bento. Após cerca de 6 km, encontrará de seu lado direito uma placa a identificar o barco “O Brancelhe”.

Reservas: 

925 973 100 or barcoturistico@cm-cminho.pt




Local: Vieira do Minho
Quinta dos Vieiras

Quinta dos Vieiras

A Quinta dos Vieiras beneficia de um envolvimento paisagístico que inclui as serras do Parque...
Mais informação
Casa Campo do Ermal

Casa Campo do Ermal

A Casa de Campo do Ermal é uma habitação com uma arquitectura de traço moderno, inserida na zona...
Mais informação
Restaurante Adelaide

Restaurante Adelaide

O Restaurante Adelaide localiza-se no lugar das Cerdeirinhas, e funciona há cerca de 15 anos....
Mais informação
Restaurante Sol da Cabreira

Restaurante Sol da Cabreira

O Restaurante Sol da Cabreira localiza-se à entrada da Vila de Vieira do Minho, tem vista...
Mais informação
Comentários Não existem comentários dos nossos visitantes. Seja o primeiro a comentar.
Avaliar: Faça a sua avaliação